Tão eu, tão ela… – Dia das Mães Capodarte

Eu sempre quis ser mãe, fui destas crianças que brincaram muito de boneca, sabe? As minhas, tinham nomes, idades, personalidades, e eu andava pra cima e pra baixo sempre com uma “filha” e sua mala de roupinhas, mamadeiras, fraldinhas…
A chegada do Pedro me promoveu de “mãe de boneca” a MÃE de verdade e nossa! Como foram difíceis os primeiros meses! Descobri que bebês da vida real dão muito mais trabalho! Mas a brincadeira também fica muito mais divertida.
Quando a Cacá chegou, eu já estava mais experiente e descobri na prática que era mesmo verdade aquilo que todas as mães de Leia tudo…

Fechar Menu

Fique por dentro!

Receba nossas novidades direto no seu email!
QUERO RECEBER!
Fechar
Fique por dentro!